Translate the blog to your language!

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Deixe as lágrimas e a alegria surgirem espontaneamente.

Kung fu Uma das primeiras virtudes que temos que aprender, principalmente quando estudamos artes marciais, é a temperança. Há muito atrás, Buda já nos ensinou que o equilibrio é fundamental para a vida humana e lançou o famoso Caminho do Meio. Dizia ele, se você apeartar demasiadamente a corda da cítara, ela rebentará, mas se deixar frouxa demais, não sairá som algum.

Em nossas vidas é a mesma coisa. Precisamos ter equilibrio em nossas ações. A arte marcial nos proporciona uma eficiente busca de equilibrio, ensinando-nos que, apesar da disciplina imposta, ela serve para nos ensinar a viver mais plenamente.

Neste breve vídeo da série Kung Fu de David Carradine, esta lição está evidente na capacidade de deixar fluir a alegria e a tristeza equilibradamente.

 

English Version

 6132E0_1 One of the first virtues that we must to learn, mainly when we are studying martial arts, is the temperance. A long time ago, Buddha already teached us that balance is fundamental to human life and so give us the famous Middle way. Said us: if you stretch far the chord of cítara, it will burst. But if you let loose quite, it will not give anything sound.

In our lives it is the same thing. We need balance in our actions. The martial art provide us an efficient search of balance, teach us that, despite of discipline imposed, it serve to teach us to live more fully.

In this brief video of the serie Kung fu by David Carradine, this lesson is evident in the capacity of let go the happiness and the sadness from a balanced manner.

Nenhum comentário: